Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


06/09/2017

Brasil prepara relatório de salvaguardas para busca de recursos internacionais

Documento é necessário para que o país se habilite a receber recursos internacionais pela redução do desmatamento alcançada.


O segundo Sumário de Informações sobre as Salvaguardas de Cancún, requisito para que o Brasil se candidate a obter recursos internacionais pela redução do desmatamento, será enviado à Convenção do Clima da ONU em novembro. A informação foi prestada nesta terça-feira (05/09) pelo secretário de Mudança do Clima e Florestas, Everton Lucero, em audiência pública na Comissão de Meio Ambiente do Senado Federal, em Brasília.

A audiência discutiu a necessidade de autorização da Fundação Nacional do Índio para a emissão de títulos mobiliários no Mercado Brasileiro de Redução de Emissões evitadas certificadas em terras indígenas. Para o secretário, o assunto precisa ser debatido amplamente pela sociedade para que se tenha um entendimento comum. O amplo debate deve pautar ao mesmo tempo a conservação da floresta e os direitos das comunidades e a obtenção dos recursos.

De acordo com Lucero, não há consenso sobre o funcionamento de um possível mercado brasileiro de carbono e a inclusão de atividades florestais nesse mercado. “A criação de um mercado brasileiro depende de decisões em várias instâncias e está sendo estudada no Ministério da Fazenda para que se chegue a um modelo”, informou. Na avaliação dele, a inclusão de atividades florestais nesse mercado possui aspectos metodológicos e de cumprimento das salvaguardas complexos.

FUNDO AMAZÔNIA
Com relação ao apoio financeiro às terras indígenas, Lucero destacou que os recursos do Fundo Amazônia, principal instrumento brasileiro de financiamento do tipo REDD+, já financiam projetos socioambientais em mais de 60% das terras indígenas do país, totalizando R$196 milhões. Ele defendeu as salvaguardas como formas para promoção dos conhecimentos e direitos de povos indígenas e comunidades tradicionais.

O secretário destacou a importância de recursos de REDD+ para o país atingir as metas previstas pelo acordo de Paris (NDC). Ele disse que o Brasil está apto a se candidatar aos recursos de fundos internacionais, como o Fundo Verde para o Clima.

SALVAGUARDAS
As salvaguardas formam um conjunto de sete diretrizes, que visam potencializar os impactos socioambientais positivos e reduzir os impactos negativos relacionados às atividades de redução do desmatamento e da degradação florestal.

O segundo Sumário de Informações sobre a Implementação das Salvaguardas de Cancún pelo Brasil está disponível à sociedade brasileira para coleta de contribuições, até 5 de outubro de 2017. Interessados em enviar sugestões ao documento devem acessar a planilha disponível aqui, e enviá-la para reddbrasil@mma.gov.br, de acordo com instruções específicas.

O documento apresenta informações sobre a implementação das salvaguardas de REDD+ no Brasil quando da implementação de ações para redução das emissões provenientes do desmatamento no bioma Amazônia. Traz informações sobre como as salvaguardas têm sido abordadas e respeitadas pelo Brasil a partir de 2011, por meio do Plano de Ação para Prevenção e Controle do Desmatamento na Amazônia Legal e políticas correlatas e pelo Fundo Amazônia.
 
SERVIÇO
Acesse aqui para enviar contribuições ao Segundo Sumário sobre as Salvaguardas
 


Fonte: Painel Florestal



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (0)


CIFlorestas disse:

18/11/2017 às 21:20

Nenhum comentário enviado até o momento.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

Do ponto de vista técnico e operacional, qual é a melhor unidade para comercialização da madeira para carvão?

volume de madeira sólida (metro cúbico)
tonelada de madeira
metro estéreo ou metro de lenha
unidade ou peças de madeira

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


193 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey