Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


02/08/2010

Produtores de Palmito Unem-se Contra Ilegais

Os produtores de palmito de pupunha decidiram unir-se para reduzir a ilegalidade no setor -estima-se que ela represente 30% do mercado.

Apesar de o Brasil ser o maior consumidor mundial de palmito, com participação de 70% no total, ainda há restrições ao produto, diz Ricardo Araújo Ribeiral, vice-presidente da Abrapp (Associação Brasileira das Indústrias de Palmito de Pupunha).

 

"Precisamos quebrar a barreira de experiências negativas anteriores", afirma Ribeiral, que atribui os problemas à elevada informalidade do setor.

 

Nos anos 90, a extração de palmito em regiões degradadas foi proibida e abriu espaço para a profissionalização.

 

O resultado é o crescimento da participação do palmito cultivado no total, afirma o vice-presidente da Abrapp, que ainda não tem números que mostrem a expansão.

 

"O setor ainda está se organizando, há poucos dados oficiais", afirma Ribeiral.

 

Ainda assim, ele estima que o mercado nacional movimente R$ 450 milhões por ano, dominado pelo palmito da palmeira de açaí, que responde por 70% do total.

 

O palmito da palmeira de pupunha tem uma fatia de 25% e o restante é dividido entre o palmito juçara e o extraído da palmeira real.

 

Para mostrar ao consumidor como identificar um palmito de boa qualidade e promover o de pupunha, indústrias que representam 60% de todo o processamento dessa espécie criaram a Abrapp, há cerca de um mês.

 

"Podemos dobrar o mercado legal se quebrarmos as barreiras ao palmito de melhor qualidade", diz Ribeiral.

 

Devido à elevada dependência do clima tropical para se desenvolver, o palmito praticamente é produzido em larga escala somente no Brasil e no Equador.

 

E, apesar do elevado potencial para exportações, o setor decidiu focar no mercado interno. "O brasileiro adora palmito; o produto dispensa apresentação", diz.


Fonte: Folha de São Paulo citado por Agronline



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (0)


CIFlorestas disse:

18/09/2019 às 13:30

Nenhum comentário enviado até o momento.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

Do ponto de vista técnico e operacional, qual é a melhor unidade para comercialização da madeira para celulose?

volume de madeira sólida (metro cúbico)
tonelada de madeira
metro estéreo ou metro de lenha
unidade ou peças de madeira

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


2328 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey