Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


16/07/2012

Seagro oferece Curso de Capacitação em Florestas Plantadas

Com o intuito de contribuir com o desenvolvimento da silvicultura no Estado, a Seagro ? Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Agrário ? promoverá o Curso de Capacitação Técnica em Florestas Plantadas.

Os extensionistas são responsáveis por prestar assistência técnica aos produtores in loco

 O curso de capacitação, realizado em parceria com a Embrapa – Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária –, o Sebrae, o Ruraltins e o Senar – Serviço Nacional de Aprendizagem –, acontecerá em dois módulos, a partir de agosto.

O primeiro módulo do curso de capacitação acontecerá no município de Paraíso do Tocantins, entre os dias 25 e 31 de agosto. Este módulo será voltado para a hevicultura (cultivo de seringueira) e contará com a participação do pesquisador da Embrapa Floresta, de Brasília, Ailton Victor Pereira.

De acordo com a engenheira de alimentos da Seagro, Valdira Carvalho, que participa da organização do curso, o público alvo neste primeiro momento são os extensionistas do Ruraltins e técnicos de empresas privadas que atuam no setor de florestas plantadas no Estado. As inscrições serão feitas pelo Ruraltins. “O objetivo do curso é o aperfeiçoamento dos extensionistas, que serão fundamentais no aprimoramento das técnicas para o plantio de florestas nas diversas regiões do Estado”, explicou Valdira, acrescentando que a silvicultura e a hevicultura são setores promissores no Tocantins.

O segundo módulo do Curso de Capacitação Técnica, também para extensionistas do Ruraltins e de empresas privadas, será voltado para a silvicultura (plantio de eucalipto, teka e outras espécies de arvores).

Após esta fase, deve ser realizada uma capacitação voltada somente para os produtores interessados no setor ou que já estejam atuando.

Dados

Em 2011, segundo dados da Seagro, o Tocantins chegou a marca de 80 mil hectares cultivados com árvores, destacando-se o eucalipto, a seringueira, teka e nim. A expectativa é que até 2017, a área cultivada com florestas aumente para 982,5 mil hectares, sendo que 783 mil hectares já foram licenciados pelo Naturatins – Instituto Natureza do Tocantins.


Fonte: http://ruraltins.to.gov.br/noticia.php?id=1012



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (0)


CIFlorestas disse:

21/10/2019 às 14:13

Nenhum comentário enviado até o momento.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

O que você acha da implantação do Cadastro Ambiental Rural (CAR)?

Trará benefícios aos produtores rurais
Trará benefícios ao meio ambiente
Trará benefícios apenas para o governo
Trará benefícios aos produtores rurais, ao meio ambiente e ao governo
Não muda a situação dos produtores rurais, nem do meio ambiente

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


1715 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey