Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


19/12/2013

Governo de MT apresenta plano para reduzir desmatamento em 80%

Foto: Google

Em três anos, o governo deMato Grosso pretende reduzir em até 80% o desmatamento ilegal no Estado, conforme declaração do secretário de Meio Ambiente, José Lacerda, nesta última quarta-feira (18), quando foi lançado o Plano de Ação para Prevenção e Controle do Desmatamento e Queimadas de Mato Grosso (PPCDQ-MT).

De acordo com o secretário da Sema, a redução é prevista na segunda fase do plano que será implantado para ter vigência entre 2014 e 2016. No entanto, de acordo com o levantamento feito pelo sistema Projeto de Monitoramento do Desmatamento na Amazônia Legal (Prodes), do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), o desmatamento na Amazônia Legal mato-grossense cresceu 52% entre agosto de 2012 e julho de 2013, frente ao igual período do ano anterior. A área afetada avançou de 757 km² para 1.149 km².

Mas Lacerda defende que entre 2004 e 2013 houve uma redução de 90% no índice de desmatamento no estado, e que, o aumento registrado no último ano estaria 'dentro do plano  de controle de desmatamento e queimada'. O secretário ainda frisa que o novo plano, que entrará em vigor no próximo ano, terá efeito até o ano de 2020.

“Os índices são positivos”, declara Lacerda. Segundo o secretário, houve mais de 54% de redução nas queimadas em 2013. O plano de combate será executado através de fiscalizações, monitoramento, orientação, educação ambiental. Lacerda destaca que são, ao todo, 54 metas para serem cumpridas no decorrer dos próximos três anos.


Fonte: Celulose Online



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (0)


CIFlorestas disse:

23/07/2019 às 11:01

Nenhum comentário enviado até o momento.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

As mais lidas


Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

Do ponto de vista técnico e operacional, qual é a melhor unidade para comercialização da madeira para carvão?

volume de madeira sólida (metro cúbico)
tonelada de madeira
metro estéreo ou metro de lenha
unidade ou peças de madeira

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


1298 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey