Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


28/12/2009

Rio de Janeiro Terá Estrada-Parque na Divisa com Minas Gerais

O governo do Rio de Janeiro inicia hoje (28) as obras da primeira estrada-parque do estado. As duas rodovias do sul fluminense que fazem parte do projeto - a RJ-163 e a RJ-151 -, na divisa com Minas Gerais, funcionarão como “parques naturais” e contarão com áreas de lazer e de preservação da natureza.

O governo do Rio de Janeiro inicia hoje (28) as obras da primeira estrada-parque do estado. As duas rodovias do sul fluminense que fazem parte do projeto - a RJ-163 e a RJ-151 -, na divisa com Minas Gerais, funcionarão como “parques naturais” e contarão com áreas de lazer e de preservação da natureza.

A RJ-163 liga Visconde de Mauá (RJ) a Capelinha (MG) e a RJ-151 margeia a divisa do Rio com Minas Gerais. Além de acostamentos e mirantes, a estrada-parque de 20 quilômetros terá um centro para visitantes, passagens subterrâneas para a travessia de animais e asfalto à base de polímeros, que, segundo o governo do Rio, causa menos impacto ambiental e proporciona mais segurança aos motoristas. 

Serão investidos R$ 49 milhões do Ministério do Turismo e do governo do Rio no asfaltamento das duas rodovias. O objetivo é estimular o turismo na região de Mauá, Maringá e Maromba, no sul fluminense, e facilitar o escoamento da produção agropecuária, que inclui leite, queijos, hortaliças e mel. A velocidade máxima de veículos deverá ficar em torno de 40 quilômetros por hora, e não será permitido o tráfego de caminhões de cargas pesadas nos fins de semana. 


Fonte: Agência Brasil



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (0)


CIFlorestas disse:

19/07/2019 às 07:44

Nenhum comentário enviado até o momento.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

As mais lidas


Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

Do ponto de vista técnico e operacional, qual é a melhor unidade para comercialização da madeira para celulose?

volume de madeira sólida (metro cúbico)
tonelada de madeira
metro estéreo ou metro de lenha
unidade ou peças de madeira

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


2003 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey