Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


12/11/2010

Sectes recebe reconhecimento inédito pela qualidade na gestão

A Sectes concorreu pela primeira vez e foi reconhecida como faixa prata ao lado de outras quatro organizações.

Secretário Alberto Portugal (C) recebeu o Prêmio Mineiro da Qualidade

BELO HORIZONTE (10/11/10) - Inovar e buscar a excelência nas práticas de gestão e nos serviços que presta à sociedade. Com esse objetivo, a Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sectes) se tornou pioneira na conquista do Prêmio Mineiro da Qualidade - PMQ 2010, promovido pelo Instituto Qualidade Minas (IQM), que segue o Modelo de Excelência da Gestão (MEG) e as diretrizes da Fundação Nacional da Qualidade (FNQ). A premiação ocorreu na noite dessa terça-feira (9), no Teatro Sesiminas, em Belo Horizonte.

A Sectes concorreu pela primeira vez e foi reconhecida como faixa prata ao lado de outras quatro organizações. Ao todo foram 13 empresas e instituições contempladas com o PMQ 2010, incluindo as da faixa ouro e bronze. Além de da categoria ouro, a U & M Mineração e Construções S/A e o 4º Grupo de Artilharia Antiaérea receberam o troféu destaque pelas mãos da secretária de Estado de Planejamento e Gestão, Renata Vilhena, que representou o governador Antonio Anastasia, e pelo presidente do Conselho Superior do IQM, Petrônio Machado Zica.

O prêmio da Sectes foi entregue pelo diretor da Samarco, Paulo José Barros Rabelo ao secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Alberto Portugal, e ao secretário-adjunto da Sectes, Evaldo Vilela; ao chefe de gabinete da Sectes, Adaiton Vieira Pereira; à coordenadora da equipe de apoio à Gestão Estratégica, Christiane Correia, e às superintendentes Déa Fonseca e Helga Andrade. O IQM ressaltou o ineditismo do prêmio de qualidade na gestão contemplando uma Secretaria de Estado no Brasil. Ao mesmo tempo reconheceu os avanços da gestão pública no Governo de Minas, especialmente na Sectes que vem conquistando o respeito de diversos países com o seu modelo de desenvolvimento integrado por meio do Sistema Mineiro de Inovação.

O secretário Alberto Portugal manifestou gratidão a toda sua equipe pelo comprometimento no trabalho para o desenvolvimento de Minas Gerais e pela disposição de inovar nas práticas de gestão a ponto de ser reconhecida. Para Portugal, o prêmio trouxe patamares superiores de desempenho nos indicadores de ciência, tecnologia, inovação e ensino superior; melhoria do mapeamento dos processos principais e de apoio adotados pela Sectes; modelo de gestão alinhado às ferramentas de gestão e às estratégias descritas nos instrumentos de planejamento de médio e longo prazo do Governo de Minas Gerais, entre outros avanços.

A secretária Renata Vilhena disse da importância da celebração ao mérito e que ele deve ser o meio para se atingir os objetivos de qualquer organização. Ela lembrou a verdadeira revolução na administração pública feita pelos governos de Aécio Neves e Antonio Anastasia com ganhos muitos significativos para a sociedade mineira, obtendo reconhecimento internacional pelas medidas lideradas pelo Choque de Gestão. Renata Vilhena observou que o governo mineiro estará com o diálogo estreito com os poderes constituídos, com os municípios e com a sociedade civil organizada a fim de continuar contribuindo para manter a chama acesa da cultura da eficiência e da qualidade. Finalizou dizendo da satisfação do governo mineiro ao assistir à Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior conquistando o reconhecimento pelos esforços de uma gestão eficiente e voltada para o desenvolvimento.


Fonte: Agência Minas



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (0)


CIFlorestas disse:

21/10/2019 às 11:16

Nenhum comentário enviado até o momento.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

Do ponto de vista técnico e operacional, qual é a melhor unidade para comercialização da madeira para carvão?

volume de madeira sólida (metro cúbico)
tonelada de madeira
metro estéreo ou metro de lenha
unidade ou peças de madeira

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


2280 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey