Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/storage/7/ab/56/ciflorestas/public_html/controle/nuvemtags_gerar.php on line 16

Warning: max() [function.max]: Array must contain at least one element in /home/storage/7/ab/56/ciflorestas/public_html/controle/nuvemtags_gerar.php on line 53

Warning: min() [function.min]: Array must contain at least one element in /home/storage/7/ab/56/ciflorestas/public_html/controle/nuvemtags_gerar.php on line 55
CIFlorestas>>Notícia>>UFV aprova projeto para monitoramento ambiental do continente sul-americano

Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


15/12/2013

UFV aprova projeto para monitoramento ambiental do continente sul-americano

Brasão UFV
A UFV acaba de aprovar dois grandes projetos de pesquisas sobre mudanças climáticas que irão reforçar ainda mais a competência dos pesquisadores de Viçosa nesta área. Dos 20 projetos aprovados no edital do CNPq para o Programa Antártico Brasileiro (Proantar), dois são da UFV. Além disso, a Instituição está presente em outros oito, como parceira. Os dois projetos aprovados somam mais de R$2 milhões. O Núcleo Terrantar da UFV tem dez anos e mantém a segunda maior rede de monitoramento climático de solos gelados do mundo na Antártica. A região é responsável por 90% do gelo do planeta e por 80% da água doce e representa um indicador das mudanças climáticas que estão afetando o planeta.
De acordo com o edital, o Terrantar, terá financiamento para continuar o monitoramento dos solos gelados na Antártica e ampliar os estudos em montanhas geladas dos Andes. O Terrantar é um dos cinco Núcleos que compõem o Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia da Criosfera. Segundo o coordenador do Terrantar e professor do Departamento de Solos da UFV, Carlos Ernesto Schaefer, a aprovação do projeto permite continuar por mais três anos o trabalho que vem sendo feito pela equipe da UFV, ampliando e automatizando os sistemas de monitoramento já em funcionamento (foto).
Todos os anos, no verão, os pesquisadores vão às regiões mais inóspitas da Antártica e no alto das montanhas geladas da Cordilheira dos Andes instalar novos equipamentos, realizar estudos de solos e vegetação e coletar dados de sensores que mostram como os solos com camadas de gelo (permafrost) estão derretendo. O monitoramento de mudanças climáticas em solos ajuda a compreender as tendências e os efeitos das mudanças climáticas globais em escala planetária e as possíveis alterações no nível dos oceanos.
A aprovação do Projeto da UFV permitirá estender as pesquisas também nas regiões geladas da Bolívia, Colômbia e Venezuela. Até agora, as pesquisas eram realizadas no Chile, Peru, Argentina e Equador. O outro projeto aprovado no edital do CNPq é liderado pelo Professor Flávio Justino, do Departamento de Engenharia Agrícola da UFV e é considerado de vanguarda nos estudos de modelagem climática na região Antártica.
A competência estabelecida pela equipe da Universidade Federal de Viçosa também pode ser comprovada pelo grande número de artigos publicados em revistas internacionais e pela publicação de um livro sobre o tema Antártico, que será publicado no início de 2014 pela União Internacional de Ciência do Solo, em que um terço dos artigos são de autoria ou coautoria de pesquisadores da UFV.
“Tudo o que acontece no clima do continente sul-americano é diretamente influenciado pelo que acontece na Antártica, por isso, a aprovação destes projetos permitirá um salto qualitativo e quantitativo no padrão de monitoramento climático realizado, ampliando parcerias internacionais e viabilizado pesquisa de excelência da UFV em diversos países sul-americanos”, disse o professor Schaefer.
(Léa Medeiros)
 

.


Fonte: UFV



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (0)


CIFlorestas disse:

19/10/2019 às 09:56

Nenhum comentário enviado até o momento.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

As mais lidas


Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

Do ponto de vista técnico e operacional, qual é a melhor unidade para comercialização da madeira para celulose?

volume de madeira sólida (metro cúbico)
tonelada de madeira
metro estéreo ou metro de lenha
unidade ou peças de madeira

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


2268 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey