Facebook Twitter RSS

Notícia

Versão para impressão
A-
A+


26/08/2010

UFV participa da elaboração do Plano de Ação Nacional para a Conservação de Cactáceas

Entre os dias 11 e 13 de agosto aconteceu em Brasília, no Instituto Chico Mendes (ICMBio), um workshop para a elaboração do Plano Ação Nacional para a Conservação de Cactáceas, que é o primeiro plano de ação para conservação de espécies vegetais no país.

Dentre os pesquisadores que compareceram à reunião, estava a doutoranda do Departamento de Biologia Vegetal da UFV, Marianna Rodrigues Santos, que é taxonomista da família Cactaceae e desenvolve pesquisas sob a orientação da professora Flávia Cristina Garcia.

A reunião contou com a presença de Bráulio Dias, representante do Ministério do Meio Ambiente, e de representantes do ICMBio, como Suelma Silva (idealizadora do plano), Fátima Pires e Inês Oliveira (facilitadoras da reunião), além de pesquisadores de diversas instituições e diretores de Unidades de Conservação. 

Para a elaboração do plano, a reunião foi dividida em duas partes: na primeira foi apresentado um diagnóstico do estado de conservação da espécie, sua biologia, reprodução, taxonomia, distribuição potencial, ocorrência em áreas protegidas e principais ameaças a sua integridade e perpetuidade. Com base nas informações consolidadas na parte I foi feita uma oficina de trabalho com especialistas e atores institucionais que influenciam o processo de conservação da espécie. Nesta oficina foi elaborada a Parte II, que consiste no objetivo do plano, metas de conservação para o alcance do objetivo, e ações operacionais para atendimento destas metas. 

Por meio da reunião ocorreu a designação dos articuladores responsáveis pelas ações e estabelecidos indicadores, custos e o patamar de melhoria para conservação das espécies da família Cactáceas. No total foram criadas 3 metas e 92 ações, sendo o objetivo principal promover a conservação efetiva e a redução do risco de extinção de cactáceas no Brasil. Este plano de ação será publicado ainda este ano, e o prazo para a execução das ações propostas é até outubro de 2015.


Fonte: UFV



Publicidade


Deixe seu comentário no espaço abaixo ou clique aqui e fale conosco.


Nome: Email (não aparecerá no site):




Comentário(s) (0)


CIFlorestas disse:

12/07/2020 às 12:54

Nenhum comentário enviado até o momento.

Novidades do Site


Quer divulgar sua empresa ou está buscando uma empresa florestal?

Pensamento

A melhor maneira de realizar os seus sonhos é acordar.
Paul Valéry

Vídeo

Bureau de Inteligência

Análise Conjuntural
Editais
Produções Técnicas

Patentes
Cartilha Florestal
Legislação



Publicidade

Mercado

Cotações
Câmbio
Mapa Empresarial


Enquete

O que você acha da implantação do Cadastro Ambiental Rural (CAR)?

Trará benefícios aos produtores rurais
Trará benefícios ao meio ambiente
Trará benefícios apenas para o governo
Trará benefícios aos produtores rurais, ao meio ambiente e ao governo
Não muda a situação dos produtores rurais, nem do meio ambiente

Receba no seu email

Análise Conjuntural

Estudo e análise de especialista sobre o mercado de florestas.

Newsletter

Receba as novidades do setor de florestas no seu email.

Nuvem de Tags


3183 visitas nesta página

Polo de Excelência em Florestas

Parceiros

AMS  |   ECOTECA DIGITAL  |   EMBRAPA FLORESTAS  |   EPAMIG  |   FAEMG  |   INTERSIND  |   LARF  |   MAIS FLORESTAS  |   MAPA  |   SEAPA  |   SEBRAE  |   SECTES  |   SEDE  |   SEMAD  |   SIF  |   UFLA  |   UFV  |   UFVJM  |   UNIFEMM  |  

Colaboradores

ACELERADORA DE  |   AGROBASE  |   AGROMUNDO  |   APABOR  |   BRACELPA  |   CIENTEC  |   FAPEMIG  |   FINEP  |   IEF  |   LATEKS  |   PAINEL FLORESTAL  |   TRATALIPTO  |   UFV JR. FLORESTAL  |  
Desenvolvido por Ronnan del Rey